Menu

CCTpor Marcos Becho UFMGInscrições de resumos e pôsteres foram prorrogadas até o dia 16, próxima segunda-feira

No dia 26 de maio o Centro de Coleções Taxonômicas (CCT) do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) comemora sete anos com um workshop voltado principalmente para pesquisadores e estudantes da área das ciências da vida, da UFMG e de outras universidades.

A programação, prevista para acontecer das 8h às 17h, inclui palestras sobre as coleções biológicas, mesa de discussão sobre a interação com os programas de pós-graduação da área de biodiversidade e exposição de posters. As inscrições estão abertas pela internet (AQUI) até o dia 24 de maio. A inscrição de resumos e pôsteres pode ser feita até segunda-feira, 16.

Criado em 2015, o CCT funciona como uma espécie de biblioteca de espécimes biológicos e auxilia pesquisadores da área a verificar e a validar resultados de seus estudos. Órgão complementar do Instituto de Ciências Biológicas da UFMG, reúne 27 coleções de espécimes e outros tipos de materiais biológicos de vegetais, animais, fungos e seres unicelulares de quase todas as categorias que ocorrem em Minas Gerais, além de diversas regiões do Brasil, da América Latina e de outras partes do mundo, como da Antártida.

De acordo com o biólogo João Renato Stehmann, diretor do Centro de Coleções Taxonômicas, o principal objetivo do Centro de Coleções Taxonômicas é apoiar pesquisa, ensino, extensão e inovação científica, facilitando a formação de recursos humanos. Parte da infraestrutura é mantida com a prestação de serviços à iniciativa privada, como estudos ambientais.

cct fot vertebrados01MAIS DO QUE UMA “BIBLIOTECA”

Ele explica que cada exemplar é como se fosse um livro contendo diversas informações sobre cada organismo. Catalogados segundo protocolos internacionais de classificação, o acervo permite, por exemplo, comparar e avaliar o impacto que possa ter ocorrido sobre o conjunto de organismos vivos de uma dada localidade ao longo do tempo, como no caso do Rio Doce.

Após os acidentes ambientais de Mariana e Brumadinho, esses espécimes podem contribuir para a devida restauração da área. Também podem ser usados para a modelagem de cenários passados e futuros, para prevenir impactos das mudanças climáticas em nossa biota, uma das mais ricas e ameaçadas do planeta.

“Além do potencial científico, os exemplares abrigam um elemento histórico, expressão de sua dimensão e importância para investigações científicas em campos como morfologia, genética e evolução”, destaca o diretor do Centro, chamando a atenção ainda para o fato de que a maior parte dos exemplares foram coletados no século XX, mas há também há alguns que datam do século XIX, recebidos como doação.

O CCT ICB também possui um Laboratório de Ilustração Científica e é responsável pela publicação da revista científica Lundiana International Journal of Biodiversity e do boletim de divulgação científica CCT Ciência, onde divulga os trabalhos desenvolvidos por seus pesquisadores.

WorkshopCCT7anosWORKSHOP

Todos os participantes devidamente inscritos são convidados a enviar resumos para o evento, até o dia 16 de maio de 2022. Os resumos serão avaliados pela organização e, se aceitos, deverão ser apresentados em formato de pôster. A submissão do resumo estará condicionada à confirmação da inscrição. Será aceito apenas um resumo por inscrição.

MAIS INFORMAÇÕES


Programação: https://ufmgcct.wixsite.com/workshop7anos/programa%C3%A7%C3%A3o
Inscrições: https://ufmgcct.wixsite.com/workshop7anos/inscri%C3%A7%C3%A3o
Submissão de resumos: https://ufmgcct.wixsite.com/workshop7anos/resumos
Acesso ao acervo: https://www.gbif.org

 

 

Pesquisar

Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
Topo