Menu

tropical 1651426 960 720Publicado originalmente no jornal interno "Somos ICB", como forma de divulgar produção criativa de seus servidores e promover a integração interna em torno da arte.

 

Por Cássio de Jesus Faria*

Este é um mundo de homens, baby!
Sem arrependimentos, sem remorsos, apenas o progresso...
Ou regresso...ou morte!
Você não sabe, baby, para onde o mundo vai...
Quem sabe, de algum modo, ele possa retornar...
No tempo que os dias eram plenos, singelos e intensos como um sorriso de uma criança!
Esse mundo é do cruel, insano e forte!
Quem sabe, baby, eu possa voltar... A ter brilho nos olhos, sorriso no rosto e a sensação de que o sol brilha sobre nós!
Mundo de homens, mundo de máquinas, mundo de feras, de fúria bestial!
Nas encruzilhadas da vida, um prato de carne crua e fria
Para um estranho com o inferno no olhar!
Não te quero, mundo de sal e sangue, lágrimas e dor!
Eu só quero paz, amor, muito amor!
E a esperança de um dia melhor...
Um novo mundo, um recomeçar...

 

* Servidor do Departamento de Fisiologia e Biofísica do ICB UFMG

 

 Os servidores do ICB interessados em participar devem enviar seu texto para a Assessoria de Comunicação pelo email (), contendo ainda seu nome, ramal e setor onde trabalha. O jornal Somos ICB está disponível na Intranet do Instituto.
 

Pesquisar

Facebook Twitter YouTube Flickr SoundCloud

Topo